Hoje acordei com saudade...

Eu sou uma pessoa que não nasceu pra ficar sozinha... não gosto de viver sozinha e por ironia, vivo assim ha taaantos anos... De certa forma, posso dizer que aprendi a lidar com a situação, mas não a domina-la... Hoje, acordei com saudade...

Saudade do meu pai, saudade da minha mãe, dos meus amados sobrinhos (ahhhhh que saudade... amo demais!!!), do meu irmão, das minhas irmãs, da minha cunhada que é uma amigona, das amigas!! Dos amigos de quase longe, de um pouco longe, de beeeem longe... saudade de quem veio... saudade de quem foi...

Amo pessoas, amo receber pessoas, amo conversar com pessoas, amo dar atenção a pessoas, amo abraçar pessoas, amo rir com pessoas, amo cozinhar pras pessoas, amo fazer bolo pras pessoas,  amo estar perto, amo acolher pessoas, amo ajudar, amo casa cheia... por ironia, tenho aprendido a viver pouco rodeada de pessoas...  aprendido a curtir estar (um pouco) sozinha... aprendido a aprender muitas coisas que (talvez) por muito tempo me neguei...

E até aprendi a curtir o silêncio da casa, a calma, o tempo precioso comigo mesma, com Deus... um aprendizado dificil, duro pra mim... aprendi a falar menos (pode acreditar!! kkk), a pensar menos, a exigir menos (inclusive de mim mesma)... aprendi a esperar menos, a ter mais esperança, ir mais devagar...

Mas hoje acordei com saudade... olhei fotos antigas e chorei, ri... lembrei do que fiz, de onde passei, de quem conheci... lembrei das risadas que dei, de tantos que conheci... lembrei dos lugares que conheci, lembrei do tempo bom, do tempo ruim, lembrei do que passou, lembrei que tive, lembrei de quem conheci, com quem ri, quem ajudei, de quem me ajudou... lembrei dos meus pequenos que hoje estão grandes...

 Lembrei dos passeios, das praias, das brincadeiras, das rolhadas, do war, do banco imobiliario, do Pif, da escova, da paciência... lembrei do Vôlei, do futebol, da torcida, dos campeonatos, das medalhas, da queimada na rua... lembrei da carniça, do elastico, do jogo de botão, das bonecas de papelão, das Barbies... Lembrei do Atari, do Pocker (meu cachorro), do imagem e ação... Lembrei da ponte Rio-Niterói!!!

Lembrei da minha vida, lembrei de onde estive, lembrei do que passei... e chorei...

Mas não era um choro de tristeza não... chorei e agradeci...

Talvez muitos chorem por não ter vivido, por não ter ido, por não ter conhecido, por não ter feito, por não ter merecido...

Eu... chorei de saudade...

Obrigada!! Sou grata! Bom dia!


0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 
Carlinha com bicho-carpinteiro © 2011 | Designed by Ibu Hamil, in collaboration with Uncharted 3 News, MW3 Clans and Black Ops