Alisamento Japones

Bom, esta feito! Mas antes de vir aqui e contar toda minha "saga" de fazer em casa o tal "alisamento japones" fui no meu estimado GOOGLE e procurei saber a diferença entre alisamento Japones e escova progressiva e encontrei essa explicaçao:

" A Escova progressiva é temporária, deve ser refeita até que se alcance o resultado desejado. A escova progressiva com tioglicolato de amônia ou hidróxido de sódio deixa o fio liso logo na primeira sessão, mas por ter concentrações menores desses ativos do que as fórmulas dos alisamentos tradicionais, costuma durar menos tempo: até dois meses, dependendo do grau de ondulação do cabelo.  Exige retoques constantes na raiz e hidratações periódicas. Para quem quer efeito liso duradouro, a saída é  a escova definitiva (também chamada escova japonesa ou alisamento japonês). Nesses métodos, a raiz crespa ou ondulada fica em evidência à medida que os fios crescem, assim, os retoques precisam acontecer a cada seis meses, em média."


Otima explicaçao né?? hehehehe... e eu, particularmente nao gosto do meu cabelo liso escorrido, mas geralmente esses tratamentos tiram bastante o volume e deixam meu cabelo com uma aparencia bem mais saudavel, com balanço e bem bonito!!!  E como eu nao tenho muito tempo de ir a um salao, por causa das crianças, recebi uma oferta desse KIT e resolvi "correr o risco"... e o resultado ( que eu amei) eu vou mostrar aqui...


O Produto que eu usei foi KYOSEI da Fulaa!


Bom eu fiz uma foto pra mostrar casa fase do processo -  meu cabelo, que nao é que seja muito "rebelde" mas é ondulado e geralmente tem bastante volume... (se clicar na foto ela fica maior e podem ser olhadas em sequencia):


 
 

O processo todo, durou umas 2 horas e meia mais ou menos, a gente tem que secar todo o cabelo umas 3 vezes, passa a chapinha pra  potencializar e definir o produto (que é termo ativado) e entao o cabelo fica "assustadoramente" liso.. hehehehe (olha fotos 7 e 8), o que até me assustou! Mas entao lava todo o cabelo pra retirar o produto e entao soh seca como de costume... o resultado? Se olhares a PRIMEIRA  e a ULTIMA fotos, vais ver o cabelo com menos volume, mais brilho, leveeeeeeee demais!!!

AMEI!! E como eu disse, como eu nao gosto de um cabelo muito liso, quando sequei, apenas usei os dedos, sem escova nem nada, mas se fosse o caso, bastava te-lo secado bem que o resultado seria o cabelo bem liso... ao gosto do fregues! hehehe...

Gostei muito da experiencia... hehe... quem sabe quando for ao Brasil nao levo alguns kits comigo!!! hehe.. quem se habilita????

beijao


Nao é facil ser filho...

Estava olhando, lendo algumas noticias do "mundo"  nos sites que eu costumo olhar todos os dias quando uma foto - nem foi a materia em si mas a foto que me chamou atençao: "Tom Cruise e sua filha Suri: primeira vez juntos depois do divorcio"... e devo confessar que me deu certa tristeza por essa menina!! Ela vive situaçoes dificeis no seu dia-a-dia jah desde pequena... e se voce pensou agora "mas ela tem tudo" voce com certeza nao conhece a mente de uma criança, porque, pra eles, dinheiro, ter ou nao ter nao faz a minima diferença... pelo menos nada é tao graaaande do que estar perto dos pais!! Eu costumo olhar bastante as noticias com ela, sem razao nenhuma, apenas que ela tem a mesma idade do PP, e eu lembro que quando estava gravida dele tinha muita historia sobre a mae dela, também gravida entao é normal eu ficar "comparando" o crescimento e desenvolvimento dos dois (meu filho e ela)... e quer saber? pelo menos pelas fotos que vejo, meu filho esta sempre sorrindo, é uma criança normal e feliz... muitas vezes eu sinto "pena" dela, nao em uma forma ruim, falo de preocupaçao, porque essa menina nao tem uma infancia normal, ou pelo menos o mais normal possivel!! Se voces notarem é MUITO dificil encontrar alguma foto dela sorrindo... seja filho de celebridades ou nao, isso é normal em uma criança de 6 anos??? NAO! e eu acho isso triste.. porque rica ou nao, o futuro dela jah esta comprometido emocionalmente... bom, agora mais ainda...

Quando vi o anuncio do divorcio dos pais dela, fiquei logo imaginando a dor e a marca que isso jah esta causando na cabecinha dela... pros pais, a atitude e a decisao pode ter sido "completamente pensada",  ou "ser o melhor pra ela", mas na cabeça de uma criança isso nao existe, ela nao entende isso... criança quer ver, em qualquer situaçao, pais e maes juntos!!! OK, eu NAO estou dizendo que "pais e maes" devam ser infelizes e manter um casamento destruido soh pelos filhos.. nao poderia dizer isso, mas como disse,na cabeça de uma criança de 6 anos, qualquer dessa explicaçoes é "irrelevante", por melhores que sejam o pai e a mae, pruma criança, cada um traz "metade" do que ela precisa!!! e eles sao tudo que ela precisa... Se olharmos algumas fotos dela com eles, percebia-se a mudança no olho, na atitude quando estavam juntos... sempre foi possivel ver que os dois sao muito proximos dela, as fotos dela, sempre no colo deles mostrava como ela se sente protegida e segura com eles... e quando eu vi, a foto dela, sozinha com ele, em um hotel em Nova Yorque, nao consegui deixar de pensar no que deve estar passando na cabeça dela nessa hora... e que Deus lhe ajude a passar por esse momento sem maiores "feridas", pelo menos, as menores possiveis...

Olhando o lado bom, depois que houve a "ruptura", é visivel também o sorriso e o "alivio" no rosto da mae.. que agora, tem sido muito clicada sorrindo, com amigos, em passeios, brincando com a filha, bem mais relaxada... é muito facil perceber que ela nao estava feliz com sua situaçao e que agora, pelo menos, parece que esta respirando melhor... ok, faz parte.. nem tudo na vida, sai exatamente como planejamos e também nao vou dizer que ela "nao tentou", isso seria um bruto julgamento, ninguém sabe a quanto tempo ela jah nao pensava nisso e quem sabe jah nao segurava essa separaçao por causa da filha!!! Todos nos,normais, passamos por muitas dificuldades no casamento, mas quando se tem filhos, tudo.. tudo é bem diferente!! e Tudo isso é bem compreensivel, mas como disse, nessas horas, uma criança de 6 anos nao tem maturidade nem entendimento suficiente pra "entender" nada... se ela nasceu rodeada e amparada pelos 2 pais bem perto dela, era a expectativa dela de continuar pra sempre e infelizmente essa menina tah aprendendo bem cedo que a vida é bem mais dura do que a gente imagina que ela seja!

Ela vai ter tudo?? sim, sem duvida? vai lhe faltar amor? brinquedos? companhia? vai ter alguma dificuldade em visitar o pai? nao... com certeza nao! vai ser eliz soh com a mae? claro! agora, pergunta pra ela se ela nao trocava tudo para estar com os 2 juntos pra sempre???? tenho certeza que a resposta seria SIM!

Mas... fazer o que... a vida nao é facil... casar nao é facil.. ter filhos nao é facil... e SER FILHO também nao! E que Deus ajuda essa menina!! Espero de verdade que ela seja feliz!!

BOM DIA!!!

"What to expect when you're expecting"

Homonimo do livro que deu a idéia, o filme "O que esperar quando voce esta esperando" ("What to expect when you're expecting") é muito legal e eu realmente acho que todo mundo deveria ver esse filme, mesmo os que acham que "nunca serao pais", porque esses, ou mudam de iéia, ou tem a plena certeza que nao os terao! hahahaha... Mas eu achei espetacular a idéia deles que mostrarem as varias faces da gravidez, os possiveis, os imaginaves e os inimaginaveis!! hehe...

O livro, tem por objetivo ajudar as gravidas, especialmente as de "primeira viagem" com todas as questoes e possiveis "respostas" ha taaaantas expectativas que rodeiam a gravidez E a idéia da gravidez!! hehe... Mas claro, soh serve de ajuda, de "base" porque é impossivel prever qualquer coisa durante a gravidez, e quando a expectativa é muito grande, os erros e as decepçoes virao também... nao existe como lendo livros e sites especializados, SABER o que vai acontecer, nao existe como! Querer ensinar entao.. ilusao! Na hora AGA é o unico momento onde voce sabera (ou nao) saber o que fazer... nessas horas, o livro ajuda, o site, a vizinha, a mae... mas soh ajuda... minha maior fonte de "informaçao"sempre foi minha mae... ela teve 4 filhos!! Essa sim, tem algo pra me dizer, porque provavelmente ela passou por, 4 situaçoes diferentes com as gestaçoes e a probabilidade de ela me ajudar é grandeeeeee.. hehehe... na verdade, quando acontecia qualquer coisa comigo considerada "estranha", corria pra internet e pra minha mae... o engraçado, enquanto ela falava, eu lia EXATAMENTE o que ela estava falando, com a diferença da sabedoria no desfexo...  Eu acredito tanto nisso que mesmo com dois filhos, quando me pedem algum conselho ou perguntam algo sobre gravidez eu me limito a contar o que aconteceu comigo... e como tive experiencias dificeis na gravidez dos meus 2 filhos (tive pre-eclampsia nos 2, meu primeiro nasceu prematuro fui obrigada a fazer 2 cesareas de risco.. ixi), é muito comum eu pedir pra todo mundo tomar "muito cuidado".. hehehe... dizer o que fazer? eu nao saberia, ou, nao seria "metida" o suficiente...

Bom, mas nesse filme eles conseguiram  colocar todos esses pontos  num lugar soh, e foram muito bem sucessidos... no meu ponto de vista (ha quem discorde, sempre e faz parte!! hehe). Mas tem o casal, jovem, incosequente, que nao se previne, nao se cuida (nao usa preservativo pra quem nao entendeu) e tem uma inesperada noticia: uma gravidez nao planejada, nao esperada...  eles resolvem, com certa "maturidade" encarar" a situaçao, mas quando o assunto: aborto espontaneo, atravessa a vida deles, mostram que o relacionamento nao existia a nao ser pela gravidez e sem cabeça pra segurar a situaçao, vao um pra cada lado (na verdade, no final eles até ficam juntos, porque é filme.. numa vida real, esses dois nunca mais se veriam!!)

Tem aquela que nunca teve um filho e é "expert" no assunto??? gente, o mundo tah cheio.. hehe... e essas, geralmente na hora "AGA" sao as que menos sabem o que fazer (por favor, nao estou falando de ninguem especificamente, e nao falo daquelas que se preparam, falo das que acham que sabem mesmo)... No filme, ela tem uma loja de artigos para bebes, escreveu um livro (horrivel por sinal) sobre amamentaçao e era considerada uma "expert" no assunto, mas na hora em que sua gravidez tao esperada acontece, ela é simplesmente um DESASTRE!! Tudo que ela achava que sabia corre "vida" abaixo e no final ela se dah conta de "em se tratando de gravidez", nossas expectativas sao mil vezes maiores que a realidade!!! Morri de rir com ela andando de perta "aberta" e sentando quane deitada (e com as maos nas costas, sabe? hehe) com 5 meses de gravidez!!!!! hahahaha... tipico.. tipico!! uma vez eu vi uma mulher jovem com 3, 4 meses de gravidez (mal se via a barriga) andando como uma pata na rua... hehehehehe... e no filme, ela, que achava que previa tudo, foi a que teve mais problemas, inclusive uma cesariana inesperada!!! coisas da vida que nao sao previsiveis!!

A jovem e linda, gravida de gemeos, recem casada com um homem bem mais velho e rico, sem nenhum tipo de esforço que passa pela gravidez, como quem passeia pelo centro da cidade!! a barriga nao faz diferença, nao a impede de nada, continua usando saltos 15, 20!! até o final da gravidez... nao tem contraçoes fortes, nao tem enjoos, tem um marido espetacular e uma vida de rainha... hehehe... na hora do parto, as contraçoes vem no tempo certo, em pouquissimo tempo o nene nasce e a vida continua.. hehehehe... coisa de filme??? NAO, eu conheço mulheres assim, assim mesmo (claro, tirando o toque artistico da coisa) mas que passam pela gravidez em estado de graça... hehe.. eu conheço uma mulher aqui que deve estar com uns 8, 9 meses de gravidez..ela usa roupas coladissimas, vestido incriveis (que eu SEMPRE fico me perguntando como ela entrou ali e como vai sair hehe), caminha de sapatos salto 20, agulha, como se tivesse de chinelos.. JURO, eu vejo essa pessoa toda a semana... ela existe!!! hahaha -no filme, a parte engraçada, é que ela faz tao pouco esforço nas contraçoes e para nascer os bebes que no meio de uma contraçao ela "espirra" e o nene sai... hehehehehe... pode nao chegar a tanto, mas vai perto! hehe

O casal esportista, saudavel, que passa por uma gravidez completamente normal, com seus altos e baixos, com enjoos, problemas (inclusive entre o casal, porque a historia do marido sempre sorridente e compreensivo com todas as exigencias da mulher, desculpe, essa nao existe), as alteraçoes hormonais, os medos, os quase problemas e a finalizaçao correta: um parto bem natural, com suas dificuldades, dores, seu esforço e por fim, o nascimento de uma bebe saudavel... "moral da historia"? ter uma vida saudavel, vai levar a uma gravidez saudavel e normal e consequentemente um parto (com todas suas dificuldades) saudavel, dificil mas natural trazendo um também saudavel bebe... sonho? nao, realidade... o que acontece muitas vezes é que as mulheres querem ter filhos mas nao querem abrir mao de nada, nem se cuidar... gravidez realmente "nao é doença" mas sem cuidados pode se tornar uma... e inclusive em obito (sem tentar se dramatica, apenas verdadeira...)

E a Historia do casal que nao pode ter filhos... vividos de uma forma MUITO especial por Jennifer Lopes e Rodrigo Santoro, que ao meu ver, acabou de abrir um leque de oportunidades pra ele, mostrando que ele é nao somente um "corpinho bonito e sem boca" (e olha que o sotaque dele é muito melhor que muito latino que faz sucesso) mas um ator de verdade.. como poucos que tem por aih ultimamente... mas mostra a realidade de um casal com problemas fisicos, fisiologicos reais e que nunca poderao ter filhos (entende-se, nao engravidar)... resolvem entao partir pra adoçao!! o ponto alto? como a "chegada do bebe" acontece mais cedo que o esperado, o marido, se acha "nao preparado" pra ser pai... se bem que eu acho que os maridos nunca se sentem preparados pra ser pai, mas sejamos justos, quando ha uma gravidez normal, eles tem 9 meses pra se prepararem, acostumarem com a ideia e aprender a esperar e amar o nenezinho que vem vindo... no caso de adoçao? a mulher com seu "relogio biologico" batento a mil, cheia de vontade e com a natureza materna que Deus jah colocou nela, conta os minutos e segundos pra ter o bebe no colo.. o homem? conta os minutos e segundos pra ver sua vida de pernas pro ar, entre contas e gastos também, nao sabe o que esta acontecendo (pelo menos nao a imensidao do que esta chegando) e entra em "CRISE"... e a parte hilaria nessa historia, é que ela manda que ele se encontre com um grupo de pais que todos os sabados vai juntos com seus filhos ao parque, numa especie de "clube"... e vivem juntos todas aquelas coisas que nos mulheres, vivemos no dia-a-dia, em um unico dia, com muito apoio, psicologico, emocional e até financeiro de seus companheiros (e olha, algo muito semelhante eu vejo nos parques aqui em Madri, muitos pais, homens sozinhos com carros, e centenas de coisas pinduradas, hehe...muito parecido com o que eu vi no filme! e que sonhavaaaa que acontecesse comigo - cultura!!)... e que ajudam muito sim, o "futuro pai" a se sentir mais proximo do que vai ocupar muito do seu tempo livre pro resta da vida: a paternidade! Bom, a parte emocionante nessa historia - que me fez chorar muito, foi quando eles chegam no pais pra buscar seu mais novo filho!! o encontro, tudo é emocionante.. lindo!!! (sabe, eu nao sei por que chamam filho -adotado- de "filho adotado".. eu nao gosto disso, isso nao tah escrito na certidao deles de jeito nenhum, mas soh mostra o lado preconceituoso que o ser humano tem... filho é filho, adotado, criado ou biologico! isso tinha que ser mais combatido)... Bom mas a historia foi muito bem contada!!

Os pequenos detalhes - voce tah achando que nao sobrou muito pra ver no filme né? hehehehe.. tem sim... ixi, o filme é bem legal e recomendo pra todo mundo ve-lo... um pouco de vida normal, de realidade nesse mundo que parece cada vez mais de mentira!! Vai, ve mesmo depois me diz se nao valeu a pena! hehe.. soh quis deixar um pouco de curiosidade.. hehe...




Tenham um otimo dia! Deixo com voces aqui uma brincadeira que eu fiz com meus amigos brasileiros quando estava gravida da Tallulah (na Italia)... hehe.. BOM DIA!


abrindo o coraçao... mentes doentias


Olha quero abrir meu coraçao aqui e fechar uma conversa que nao quero mais levar adiante...
Esses dias coloquei no facebook, 2 situaçoes que aconteceram comigo aqui em Madri e que me deixaram bem chateada... na verdade, quando escrevi estava simplesmente abrindo meu coraçao e botando pra fora, mas acaba dando uma reaçao tao grande que a gente até se assusta... principalmente porque surgem "pontos-de-vista" de todos os tipos e até mais julgamentos entao, vou escrever aqui realmente a forma como penso de tudo isso e vou parar! o Facebook é uma rede de "amigos" (teoricamente), mas tem muita coisa que nao vale a exposiçao!

Olha, quando a gente fala de PRECONCEITO RACIAL (especificamente aqui)a idéia é sempre a mesma... "ALGUEM NAO GOSTA DE NEGROS OU BRANCOS"... mas esse é um engano quase infantil... nao gostar de "negros" ou "brancos" nem é preconceito, é desumano.. o negocio pra mim é muito mais sutil e muito mais letal porque vem disfarçado de "mal entendido", "ponto-de-vista", "brincadeira"... soh que no fim é tao horrivel quanto, ou pior...

Sabe, eu sofro preconceito desde muito tempo, ainda adolescente uma mae de um "quase namorado" disse que nao me queria com ele porque eu era "negra e pobre", outra disse que o problema é que eu era "negra e rica" (hehe, nunca se definiram na minha classe social.. hahahaha)... e quem me conhece, ou basta olhar meu blog e ver minhas fotos, vai se dar conta que eu nao sou "negra"(pele negra) entao a primeira idéia vai ser pensar em "exagero"... mas vou começar dizendo uma coisa que digo sempre: "soh sabe exatamente o que é, quem vive ou sente na pele"... deixa eu mostrar como a mente preconceituosa, doentia funciona:

- Se a pessoa é negra, casa com negro e tem filhos negros - ninguém acha nada demais, "natural, afinal, tudo normal"


- Se a pessoa é branca, loira de olhos verdes/azuis e casa com alguém loiro, de olhos verdes/azuis e tem filhos loiros de olhos verdes/azuis - ninguém acha nada demais,a final "normal, o olho claro é de familia mesmo... sao lindos, como anjos!!"

- Se a mulher é branca, casa com homem negro e tem filhos "mestiços" (por favor, nao pensem na nomenclatura correta, nao faz diferença aqui) - as pessoas jah pensam que ela é quase uma "heroina" que passou pela dificuldade das diferenças e preconceito e vive rodeada de uma "raça" que nao é a dela...

- Se o homem é negro e casa com mulher branca e tem filhos mesticos - "alguma coisa ele tem pra dar", "de repente é jogador de futebol", rico (com certezaaaaa), e "que coragem dessa mulher"...

- Mas quando a mulher é morena, tem pele morena, "marron" ou "parda" se preferir, ou até negra, casou com homem branco e teve filhos brancos AIH entrou o problema... "nao é normal..." "alguma coisa aconteceu" e AIH, nesse ponto entra o ponto grande de preconceito em que eu me enquadro... vivo essa idéia ha muito tempo, ouço as brincadeiras ha muitos anos e até rio também mas muitas vezes, nao acho nada engraçado... e quando digo que meu marido é italiano (ele tem dupla cidadania), a brincadeira mais comum é: "a negguinha conseguiou fisgar o europeu".. " vamos ver no que vai dar essa mistura"... e nao que nao seja realmente uma "brincadeira" - deixa eu explicar pq senao vao dizer que eu to sendo exagerada na net... Acredito que alguns soh brinquem mesmo, principalmente se tem intimidade com o casal, mas muitos se escondem nas brincadeiras e mostram o que tah no coraçao de verdade...e essa brincadeira, seja ela simples ou nao, soh mostra o que as pessoas realmente pensam a respeito e embora nao pareça é SIM PRECONCEITO!!! 

Quando fiquei gravida pela primeira vez, as questoes; "vamos ver que cor vai sair" (o mais  ouvido) e devo confessar, eu mesma ficava pensando... serah que o Pedro serah moreninho ou loirinho?? e ele nasceu moreno de cabelos escuros, como eu... "normallll", "tua raça é forte", hehe, e a gente até ri da brincadeira, mas tao entendendo jah meu ponto de vista??? ha quantos anos e jah quantas pessoas jah disseram e repetiram a mesma frase pra nos??? e aih veio minha segunda gravidez e eu sabia que era uma menina... novamente a pergunta que nao queria calar: "vamos ver que cor vai sair" e ela nasce, loira, de olhos azuis (exatamente igual ao pai) mas o que mais ouço? "como voce CONSEGUIU" ter uma filha assim loirinha?? sentiu a maldade no "conseguiu"? uma pessoa morena pode ter filhos morenos (nunca perguntaram pro Paulo como ele conseguiu ter um filho moreno, era "obvio"), mas eu virei "aberraçao" ou "heroina" (uma brasileira negra, uma vez me mostrou para outra numa festa de criança dessa forma: "olha essa filha é dela!! como ela conseguiu?" - imagina minha cara)...

Desculpa, tah achando isso tudo muito exagerado??? Mas a Tallulah nasceu na Europa, na Italia, tem cara de europeia e a mae (eu)com cara de brasileira e sempre que eu sai com ela... sempre (sem o Paulo) muito vinham me perguntar: "como pode uma menina tao branquinha ser tua flha?"... "como voce conseguiu ter uma filha assim branquinha?" e sinonimos vao... aqui na Espanha, quando vou numa praça com meus filhos (porque o Pedro tem cabelo preto mas a pele bem branca), muitas pessoas nem disfarçam e olham pra eles e pra mim de CIMA a BAIXO, me mandam fazer coisas , reclamam que estou agindo de "forma errada".. se eu digo que eles sao italianos a contra-pergunta sempre vem. "mas tu? é de onde? porque..." bem assim... bem assim!!! o Pedro aprendeu uma coisa na escola lah na Italia que tah sendo dificil tirar da mente dele (eu digo que aprendeu lah porque ele veio com isso um dia da aula e NUNCA se citou esse tipo de coisa em casa, cheguei a conversar com a professora sobre isso e ela disse que é comum lah - mas nao toleravel na escola): "eu e a Tallulah somos rosa e tu é marrom mae.. por que?"..."aquele menino é rose e aquele é marrom" (olha como isso começa cedo!!!)

Todas essas ideias acima e historias nao sairam da minha cabeça, foi o que vi, ouvi e li nos ultimos anos, é o que as pessoas dizem pra mim, na minha cara, por tras, no olho... nao é "ponto-de-vista"... as pessoas sao muito preconceituosas.. racistas mesmo, eles conhecem as diferenças entre as raças mas nao admitem a mistura entre as raças... "a nao ser que tenha uma razao pra isso"...E quando falamos, tentamos debater, expor as pessoas acham que é algo simples, "é assim mesmo", "esquece", "nao dah bola", "olha pro outro lado" e até é mesmo, se isso nao acontecesse todos os dias e se nao trouxesse junto algum tipo de problema... se nao te negassem atendimento em algum lugar, se nao desconfiassem dos teus documentos, se nao deixassem de te atender no teu proprio banco, se nao te pedissem documentos com "filiaçao" das crianças soh pra confirmar, se nao deixassem teus filhos brincarem com os filhos deles, se nao parassem de peguntar "como vc conseguiu ter uma filha dessa cor"... mas nao é tao simples.. nao é mesmo...


Eu me costumei a saber exatamente como responder aos insultos, as provocaçoes, jah chamei advogado, jah denunciei tantos quantos me chamaram de "estrangeira", tenho meus documentos sempre ao alcance das maos mas certas coisas cansam e chateiam... e sofrer preconceito nao é algo que se deva "olhar pro outro lado", nem "rir", nem "nao dar bola"... nao é besteira, é serio, machuca, chateia e cansa... seja o grande, escancarado, feio, ou o"inocente", de "brincadeira" e mais uma vez... SOH ENTENDE QUEM SENTE.. SOH SABE O QUE é QUEM PASSA o resto é pensamento, julgamento..


Claro que nao vou deixar de viver por causa disso, mas fica aqui meu pensamento, minha reflexao.. talvez voce nao se ache "preconceituoso" mas se voce jah pensou assim, ou jah se viu em alguma situaçao acima seja seria ou de brincadeira, talvez voce tenha sido infectado por essa "bacteria" e te peço que lute contra enquanto ainda tem tempo, busque mudar sua forma de pensar e lute contra o preconceito, em qualquer forma com todas as suas forças!!!


E MINHA IDEIA NAO FOI LANCAR POLEMICA NEM NADA, SOH ABRI MEU CORACAO E DEU, uma situaçao que passei, me chateou mas nao quero mais falar sobre isso, soh dah cada vez mais mal entendidos...Vou terminar aqui com uma brincadeira que eu fiz com fotos que mostra bem como eu penso... BOM DIA a todos!

casamento... uma palavra com varios significados...

Compromisso, uniao, papel, estilo de vida, sonho... CASAMENTO: tah aih uma palavra que traz uma reaçao diferente em cada pessoa... cada um tem seu proprio conceito, cada um ve da sua forma ...


Casamento (a meu ver) é realmente uma convençao... realmente nao é um simples papel... é muito mais que isso, é compromisso, vida... Pra existir um casamento nao basta estar "escrito", tem que estar "decidido"... pra existir um casamento éh imprescindivel 2 pessoas concordando, é impossivel com uma soh!! é um quebra-cabeças... uma reflexao diaria... eternos por ques... nenhuma resposta... nenhuma! Por que se casam? Voce pode responder essa pergunta com muitas palavras.. nehuma delas vai ser "resposta", serao razoes... hehe.. to filosofando? rele a frase e ve se eu nao to certa... um relacionamento diario nao pode ser reposta de nada.. nao pode trazer resposta de nada.. cada dia é novo, tudo muda, as pessoas mudam.. o "casamento" também... 

O compromisso nao! Quando nos comprometemos verdadeiramente com alguém, aquilo foi muito além de um ato num livro, de um dia numa igreja, que um vestido bonito... ixi... muito além... embora eu acredite no "compromiso formal", acho que ele é necessario pra organizar as coisas... o ser humano é muito inconstante e a organizaçao foi estabelecida pra tentar organizar mesmo... e ainda assim as pessoas desfazem o contrato com a maior facilidade!!! imagina se nao existisse???
Bom, na teoria, ninguem assina o contrato obrigado!! salvo situaçoes extremas.. mas numa situaçao normal, as pessoas vao lah porque querem... querem botar no papel o compromisso formal que estao estabelecendo ali... entao, como entender casamentos que duram 2, 3, 4, 6 meses??? Eu nao entendo por que as pessoas se dao ao trabalho de fazer todo o "protocolo" se nao era exatamente o que elas queriam!!! Por favor, soh nao aceito a idéia "eu achei que fosse pra sempre"... se um casamento de 15, 20, 30 anos, por alguma razao se acabou eu entendoque digam "eu achei que fosse pra sempre"... poucos meses pra mim è "molecagem"... e a grande pergunta: por que??? porque fazer tudo isso?? porque acreditar num protocolo sem compromisso??? e se EXISTE um compromisso real o protocolo era necessario???? Olha, se eu nao fosse crente, crista nao sei se faria o "protocolo casamento", porque realmente um papel nao define um casamento, apenas estabelece, materializa o compromisso.

O sonho... eu também nao entendo o "sonho" de casar"!!! nao entendo e desculpa a sinceridade, tenho vontade de bater nas criaturas que dizem ter o sonho de casar!! por que? serah que as pessoas ainda acreditam que ALGUEM pode lhes trazer a felicidade que tanto esperam??? nao querem ficar "sozinhas"? olha que tah cheio de mulher casada, sozinha!... soh eu trago pra mim a felicidade que eu quero/procuro... e quando encontramos outro com o mesmo pensamento: FEITO! o compromisso foi estabelecido.. nada além disso!! Uma vez uma amiga disse (depois de ser felicitada por ter passado no vestibular): "eu nao vou fazer faculdade, eu me dei conta que eu nao quero fazer faculdade, eu quero é casar!".. JURO que isso aconteceu, mas por que, na cabeça desse SER, casamento estaria separado da possibilidade dela estudar e fazer algo na vida??? serah que o sonho dessa criatura era lavar roupas, cozinhar pra alguém... nao que isso seja ruim, porque mesmo as mulheres que casam E tem profissao e estudam também lavam e passam e cozinham.. hehehehe... ESSA é uma das idéias sobre casamento que nao entram na minha cabeça... solteiro também é feliz! assim como tem MUITA mulher casada infeliz também...

Dento de todas essas idéias e levando em consideraçao o casamento como verdadeiro compromisso, aih entao eu entendo as lutas, o passar por dificuldades, o vencer barreiras e problemas, a confiança, o perdao! NAO entendo a traiçao, nao entendo a mentira, nao entendo a violencia , nao entendo o cuime excessivo (estou falando do ciume doentio)... quem é o retardado ou retardada que entra num casamento pra viver uma vida dupla com outro (a)??? a quem ele esta enganando??? e nao existe erro maior do que o mentir pra si proprio! Nao entendo a mulher que ve o marido na cama com outra e diz: "sai daih vagabunda que o marido é meu!" hehe...?????... essa aih, nao tem um compromisso, tem uma obcessao!!!

A palavra casamento como "protocolo" ou na "idéia de compromisso também é usado em contratos comerciais e ultimamente até entre IGREJAS, na tentativa de criar a idéia de compromisso... e quando acaba? bom, soh demosntra que na verdade, o protocolo existia mas nao o compromisso verdadeiro...

Pra mim? casamento é isso.. COMPROMISSO... compromisso de estar junto, de ser fiel, de passar pelas dificuldades, de se ajudar, de caminhar juntos, de gerar multiplicaçao (filhos), herança, de compreensao, de ajuda, de formar uma FAMILIA (aih sim, uma perfeita razao pra idéia do casamento)... soh assim é possivel passar pelas dificuldades, vencer as diferenças, respeitar a individualidade, ser e fazer feliz... soh assim é compreensivel trabalhar o dobro de horas quando o outro nao encontra emprego, ficar em casa e cuidar dos filhos quando o outro consegue manter a casa, ficar noites sem dormir quando o outro esta doente, saber com quem contar quando se precisa de um abraço, quando se tem um sonho ruim, passar pelo perido de depressao, de euforia, saber dividir a dor, o choro, compartilhar a alegria, abrir mao, respirar fundo, contar até 10 (10, 20, 30 vezes), perdoar (20, 30, 100 vezes), tentar, nao desistir, AMAR (dizem que "quem nunca teve vontade de matar o marido nao sabe o que é amar"... hahahahahahaha)... algumas das razoes porque ha quase 12 anos, eu tomei uma decisao e assinei um papel e decidi me comprometer.. e Que Deus me ajude!

O que é casamento pra voce? soh voce pode definir, soh voce pode decidir, soh voce pode começar e soh voce pode terminar... mas nao ponha muitas expectativas, se preocupe em ser FELIZ, esse é o maior dos compromissos!! bjao


ultracavitaçao

Bah, o nome parece tratamento dentario.. hahaha.. mas nao é... Esses dias estava olhando as ofertas que chegam pra mim diariamente do Groupon (espanha) e Offerum.. sempre olho com calma essas ofertas porque muitas vezes sao a chance que eu tenho de fazer algo legal, num lugar legal e nao gastar demais... é dificil, nao sou "rica", nem "madame", nem perto disso.. hehe... tenho 2 filhos pequenos e nao tenho condiçoes de ir numa estética por exemplo, e fazer nenhum desses tratamentos modernos, seria impossivel pra mim e aih eu recorro aos sites de compras coletivas... que, devo explicar, aqui na Europa nao tem nada de falcatrua.. jah usei varias coisas compradas neles e nunca perdi em nada, nem na qualidade, nem no tratamento, nada!! Inclusive, conversando com minha irma hoje fiquei chocada em saber por ela, que um centro de beleza aih no Brasil, quando coloca ofertas no Groupon usam produtos de baixa qualidade, quase expirados e tal... entao, CUIDADO POVO!! Mas aqui nao....recentemente eu fiz um exame completo ginecologico, de mamas.. essas coisas de mulher, numa clinica particular, que custaria MUITO dinheiro, mas comprei pelo groupon e paguei 25 euros (por varios exames especificos, porque eu ainda nao tenho a carteira sanitaria aqui da Espanha) e lah, fui tratada com o mesmo respeito e atençao de quem era cliente "normal"... entao, show de bola! gostei da experiencia... é possivel buscar alguma coisa legal pra gente, mesmo nao sendo "dondoca".. hehehehe... atençao que nao estou debochando de quem tem condiçao viu??? se voce tem e pode, faça mesmo é soh uma brincadeira.. to rindo de mim mesma que infelizmente nao tenho essa condiçao... mas também, "nao ter condiçao" nao deve nos parar né? eu corro atras.. sempre...

Desde que eu ganhei a Tallulah, dei uma engordada legal... baixei (fechando a boca mesmo) e entao "estabilizei"... mas nao no peso que eu queria...  Eu nao sou neurotica com essas coisas, e quem me conhece, sabe que eu sempre fui MUITO magra, mas também sempre fiz muito exercicio, sempre pratiquei esportes entao, depois que meu ritmo de vida entrou na area "maternal", nao que eu tenha descuidado de mim mesma, mas jah nao podia gastar horas nem dinheiro em academias... comecei a trabalhar muito e esse lado foi ficando pra "depois"... nao que me conformasse com isso... Hoje eu estou mais relaxada (sem estress, nao desleixada) com meu corpo, nao me estresso muito com minhas "curvinhas", aprendi a me olhar no espelho, mas dizer que estou "feliz" é demais!! claro que 2 filhos mexem na estrutura "elastica" do corpo, da barriga e como hoje, tempo tambem nao me sobra muito, tento fazer o que é possivel pra me manter...

Desde começou o verao aqui, entrei numa idéia de diminuir mesmo.. dimimuir doces, pao... eu jah tomo bastante agua porque minha filhota de 2 anos ainda mama no peito entao isso também é bom e tenho visto resultados... roupas mais "soltas" (uma das sensaçoes mais maravilhosas do mundoooo), numeros menores e o resultado visivel: numero menor no visor da balança.. hehehe... o problema que me persegue? aquela barriguinha que nunca voltou desde que minha filha nasceu... aqueles pneuzinhos nas laterais que insistem em pular pra cima da calça jeans.. hehe...

Bom, onde quero chegar... essa semana, recebi uma proposta no "Offerum" de um pacote com 10 sessoes de uma tal de "ultracavitaçao" (pacote hiper completo, com todos os tratamentos adicionais, drenagens e tal)... e tudo a um preço bem acessivel.. hehe... na verdade, era o preço que eu estava procurando pra fazer uma "escova progressiva" mas como meu cabelo é mais facil de tratar que essas gordurinhas resistentes escolhi fazer a troca, mas antes fui pra internet, saber o que diziam a respeito dessa tecnica... e AMEI o resultado.. hehe... jah vou explicar logo abaixo, mas resolvi comprar e quero compartilhar os resultados aqui.. ok??? Depois de varias explicaçoes positivas e entendendo que nao era "historia pra boi dormir", to HIPER empolgada e me sentindo um pouco "madame".. hehe... mas quer saber? eu mereço! ha tempos, nao comprava sequer uma roupa nova pra mim, estava com minha auto estima meio baixa, tive alguns problemas entao resolvi levantar a cabeça e entender que eu também mereço, por mim! pela minha saude mental e emocional... hehe... depois claro, certamente meu marido também vai gostar dos resultados entao, no final, todo mundo fica feliz! hehe...

Olha a explicaçao mais interessante que eu li a respeito( no site http://espacosemprebonita.blogspot.com.es/2011/02/tudo-sobre-ultra-cavitacao.html):


Primeiro passo: Entender o que é e para que serve?
- É um tratamento estético seguro, não invasivo e indolor
-Indicado para as regiões com adiposidade (gordura localizada) e celulites, como glúteos, abdómen e coxas.

Segundo passo: Do que consiste e como é realizado?
- São ondas ultrasonicas capazes de atuar na formação do tecido adiposo e desfragmentá-lo
- Os tecidos desfragmentados serão eliminados através do sistema linfático (como a urina)
- A aplicação é feita com um gel e um aparelho igual ao do ultra-som (ver foto).

Terceiro passo: Qual a diferença para os demais tratamentos?
- A principal diferença é a intensidade e o alcance das ondas cavitacionais no tecido adiposo. Atua de forma mais profunda nas células, se comparamos, por exemplo, ao tratamento comum de ultra-som na gordura localizada.
- Também a forma de dissipação de energia do aparelho e eliminação da gordura através do sistema linfático.

Quarto passo: Resultados
- Remodelar o corpo
- Redução de medidas
- Remoçao das células de gordura





Me diz se devo ou nao me empolgar???? hehehe... Bom, mal nao vai fazer, entao, assim que eu fizer minha primeira sessao jah vou contando e mostrando pra voces os resultados.. hehe..

beijao e boa noite!!

a força de uma Leoa

Eu estava assistindo o canal NAT GEO (da National Geographic), com documentarios sobre a vida animal, selvagem e tal... meus filhos amaaaaaaam, e eu também... se é possivel parece que eles estao melhores a cada dia, bom, com o auxilio de toda modernidade dos dias de hoje, sem ignorar a força e disposiçao dos que trabalham por tras das caneras claro, além dos que depois, fazem a ediçao, os programas estao cada vez mais perfeitos, mais proximos, mais incriveis... cada vez mais parece que a gente esta DENTRO da tv, no meio de tudo.. é realmentre incrivel!

Um dos programas que nos mais gostamos sao sobre a vida dos leoes e dos tubaroes.. hehe... mas hoje, querendo relaxar um pouco e nao encontrando nada de bom na tv aberta, corri pro "Nat Geo" e estava dando um programa sobre leoes... sendo mais especifica, estava olhando jah uma parte que mostrava o instinto e natureza caçadora das LEOAS... interessantissimo, estava mostrando uma leoa que tinha sido expulsa de seu bando (nao sei porque razao) estava sozinha atras de comida e enfrentou uma manada inteira de bufalos!!! Como esperado, a tarefa foi muito dificil pra que ela realizasse sozinha, e talvez vencida pela fome, enfrenta seu medo e chama as leoas de seu antigo bando pra ajuda-la... resumindo, elas acabam aparecendo e aceitando o "desafio" de encurralar algum desse enormes bichos e ter comida pra todos... nao precisa muito tempo, elas conseguem isso.. porem, elas acabam atingindo um macho e por isso, de uma forma que nunca tinha visto a manada inteira resolve se voltar juntos contra as leoas, primeiro para salvar o macho que nao estava morto mas machucado, depois, para afasta-las dali... e conseguem... enfrentam bravamente e por um momento leoas de um lado, bufalos de outro, ninguem andava nem prum lado, nem para outro... quando entao, parece que algo MAIS incrivel acontece... o "bebe/filhote" daquela primeira leoa que tinha sido afastada do bando aparece, perto, muito perto da manada de bufalos!!! imediatamente, percebendo o perigo em que se apresentava seu filhote, ela retira forças do nada e enfrente mais uma vez, bravamente os bufalos, deixando a "mensagem" de que nao se aproximassem do pequeno... eu estava impressionada com tudo aquilo, parecia que a historia toda tinha um roteiro, mas nao... o que tornou tudo muito mais interessante...

Bom, mas percebendo que a leoa ficou desestruturada com a fragilidade do filhote, a manada ameaçou se aproximar dele e ela, andando pra tras, protegendo seu filhote grita e urla com todas as suas forças... poucos minutos depois, as outras leoas, aparecem, e armam uma "parede" a frente do filhote e diante delas, os bufalos jah nao estao tao confiantes de continuar as ameaças... elas, por sua vez, sentindo sua força, agora reveem um bufalo ferido deixado pra tras e vao atrtas e completam a caçada... uma historia incrivel, que, apesar de acontecida no mundo selvagem, mostra o nivel de força e instinto de "maternidade" que as leoas tem... incrivel... lindo!!!

Nas suas devidas proporçoes.. as vezes me sinto meio "leoa" com meus filhotes... passo por muitas coisas, muitas dificuldades e sei como lidar com elas, mesmo as mais dificeis, mas quando mexem, especialmente de uma forma ruim, com meus filhos, parece que um instinto meio "animal" meio "selvagem" toma conta e ali nao penso mais em mim, soh penso neles... muito interessante... eu ali, olhando o medo e a coragem juntos nos olhos daquela leoa pensava em mim, muitas vezes, na minha "gana" de proteger meus filhotes, pelo menos enquanto eles estao perto de mim e estao em uma posiçao mais desprotegidas... sei que nao conseguirei manter essa posiçao por muito tempo, mas eles ainda sao pequenos e tenho tentado ensina-los a lidar com as coisas, com o que vao passar durante toda sua vida...

Ontem, estavamos no shopping Isla Azul, aqui em Madri e meus filhos estavam brincando em uma area livre... brincavam e se divertiam com outras crianças... eu e outras maes-leoas (hehe) soh observavamos, de longe, o movimento dos pequenos... de vez em quando uma palavra, um assovio, uma atençao quando alguma coisa acontecia... e por um bom tempo tudo correu bem... de repente, como sempre, uma familia aparece.. um menino, da idade do Pedro jah chega achando que mesmo depois de horas, o espaço tinha que ser tomado pelo seu "ego"... e jah começa, em poucos minutos a arrumar confusao com as outras crianças... alvoroço na "savana" (hehe) o menino nao ouve ninguem, seus pais nao ajudam, eu levanto minhas "orelhas" e fico de olho pro que esta para acontecer... nao demora muito um choro e eu vejo o pai "macho-se-sentindo-alfa" foi pra cima do Pedro (porque tiraram o balao da mao do guria que todos brincavam juntos e ele queria brincar sozinho)... nem preciso dizer que saltei como aquela leoa ali e fui pra cima do "bufalo" sem medo algum, mas tinha certeza que nao permitiria ve-lo acuando meu filho num canto... nao sem lutar... e como era de se esperar, 5, 6 crianças brincando sem problemas nao estavam certas senao o mal educado do filho dele... com palavras (mesmo com pouco volcabulario espanhol - que na hora nao me impediu em nada) tentei explica-lo como ha quase 2 horas as crianças brincavam sem problemas e agora ele achava que o filho dele estava sendo "injustiçado" e ele estava culpando o PP por ser mais velho e "chefe do bando"... lutei bravamente e os tirei dali falando olho-no-olho... foi quando sua esposa, estupida, sem ter mais como conversar disse: "voce nao entende o que estamos falando, nao fala nossa lingua"... dali, tenho certeza que perdi a razao, coloquei todos os pequenos que jah estavam ali atras de mim e fiz.. sim, fiz mesmo com que fossem embora, porque além da ignorancia e desrespeito,  racismo jah era demais pra eu aguentar!! Quando me acalmei, vi os outros pais... na sua maioria estranjeiros, com olhos arregalados perguntando o que havia acontecido... entao percebi... quantos deles passam por essas situaçoes, humilhaçoes dia-a-dia, sao encurralados, chamados de "estrangeiros" e nao tem coragem pra lutar... pena...

Eu sou realmente estrangeira aqui, mas nem por isso tenho que me con firmar em ser humilhada ou ver meu filho sendo destratado por nada nem ninguem... Logo depois as crianças jah estavam novamente brincando  como se nada tivesse acontecido.. e quando me acalmei fiquei pensando se poderia nao ter tido uma reaçao tao forte!! Poderia... claro, mas eu sou uma mae MUITO proxima de meus filhos, eu nao preciso de outros pra lhes chamarem atençao porque eu mesma faço, eu mesma faço questao de ensina-los o que é correto ou nao a fazer.. mas quando eu vi aquele brutamontes, com um filho MUITO mal educado e se sentindo rei do campinho soh por ser o unico "nativo" ali, nao conversando, mas o ameaçando, minha reaçao nao foi de "pessoa" foi de MAE, de leoa, selvagem mesmo lutando para proteger seu filho... e isso vai acontecer quantas vezes forem necessarias... pelo menos até que meu filho saiba se defender sozinho...

No fim das contas, entre civilizados e selvagens, o instinto de proteçao nos cega a todos... com a diferença que uns atacam a manada, outros os filhotes!!! Nao os meus!!

Bom dia!!

It's time to grow up

Interessante que durante toda nossa vida ouvimos falarde homens e mulheres sempre a procura da "fonte da juventude"... as pessoas nao querem crescer, tem medo de crescer, ficam naquela coisa de "Peter Pan" querendo viver numa terra onde o tempo nao passa, onde as rugas nao aparecem, onde os seios nao caem, onde o tempo nao existe... triste realidade? ele EXISTE sim e a "Sindrome de Peter Pan" nao soh vai nos impedir de crescer, como vai nos impedir de ser feliz, de aproveitar tudo de bom que tem na vida e isso vem em cada NOVA fase...

Eu nunca fui preocupada com isso, nunca tive crise em fazer, 30!! estou animadissima em fazer 40!!! (ano que vem) dou risada dos meus cabelos brancos... meu "apego" era outro...

Esses dias vi no facebook um "cartaz" que copiei e colei no meu proprio mural especialmente porque me fez refletir muito e quero cita-lo aqui...


Realmente, inevitavelmente... faz parte da vida... Nao vamos conseguir manter os mesmos amigos da infancia - ainda que eles estejam por perto... nao vamos conseguir manter o mesmo ritmo... e teremos que abrir mao, let it go... deixar ir e continuar caminhando...

Eu vejo muita coisa no facebook, que hoje, é meu caminho mais "curto" e barato pra manter meu contato com minha familia... ha pouquissimo tempo atras, eu ainda abria 10 vezes por dia, pra ver se tinha mensagens, se havia recados mas acabava saindo de "lah" mais chateada, mais triste... cansei de ficar olhando pessoas, seres, se martirizando, implorando por amizade e atençao.. cansei de ver a tentativa patética de se "provar" (pra quem ????') que se tem uma postura "espiritual"... que se tem uma familia "perfeita"... um casamento "indestrutivel"... e acabava entrando numa "neura" porque  minhas amizades sao e serao sempre importantes pra mim... tenho minha vida com Deus, mas tenho minha vida no mundo natural também... minha familia NAO é perfeita MUITO MENOS meu casamento e é assim mesmo... #eusounormal!! hahaha... Se aquela amiga de infancia nao quer falar comigo é uma escolha dela, ela DEVE ter algo mais importante pra fazer, assim como eu e isso também faz parte da vida, todos os dias conhecemos novas pessoas, fazemos novos amigos, criamos uma nova historia (ou continuamos a velha)e inevitavelmente alguma coisa vai ficar pra tras... Talvez eu esteja me impedindo de ser feliz, deixando de estar aberta pra fazer novos amigos, prestando muita atençao no que os outros pensam a meu respeito, deixando de aproveitar o "aqui" pensando no "lah"... minha infancia, juventude solteira (sim, pq eu ainda sou jovem né.. hehe) foi maravilhosa, mas ela foi uma FASE da minha vida, que me ajudou a ser tudo que eu sou hoje... e entre erros e acertos, eu nao queria mudar nada... fiz o que tinha que fazer... e deixei de fazer o que tinha que deixar de fazer.. hehe..

Isso nao quer dizer que agora eu tenha quer ser uma velha chata que nao faz mais nada, nao brinca... NAO vou deletar minha conta no face... hehehehehe... mas vou aprendendo a manejar essas coisas.. cada uma em seu devido lugar, no seu devido tempo... eu ainda brinco muito com meus filhos, dou risada com eles, jogo bola, vivo a infancia deles COM eles, porque ESCOLHI fazer parte integral da vida deles e isso eu vou colher no futuro.. quero ver meus filhos felizes... e quero ser feliz também... a vida é feita de altos e baixos... um casamento é feito de altos e baixos.. o tempo muda.. as estaçoes mudam... as coisas caem... os gostos mudam... as marcas aparecem e tudo isso è MUITO LINDO... se chama MATURIDADE! nao é vergonha, nem estupidez... Minha fonte da Juventude eu jah encontrei... se chamam: Pedro e Tallulah.. hehehe

Chega de meninice... it's time to grow up e ser feliz com o que Deus colocou na minha frente!!!
Talvez tava faltando isso...

To de volta povo...de coraçao aberto... cheia de idéias.. hehehehe
bjao no coraçao e boa semana!

seres humanos... eternos insatisfeitos!!

Mais uma vez estava lendo uma matéria, que me chamou atençao e me fez ficar pensando a respeito... Na verdade esse é um tipo de assunto que volta e meia esta na minha "pauta" pessoal... é algo que me chama muito atençao e me faz pensar, diariamente...

Mas a matéria que estava lendo foi uma onde dizia que um restaurante, um pub gay, expulsou e proibiu manifestaçoes amorosas entre casais "heterossexuais"... de cara uma situaçao mais do que absurda.. por que? porque justamente os gays, que lutam tanto por um espaço entre os "normais" (por favor, nao digam que nao porque senao a "marcha" nao existiria)... que nao aguentam mais serem chamados e taxados de anormais, de "tortos", quando tem a oportunidade que mostrar que essa "diferença" nao existe no mundo real, fazem justamente o contario... e jogam tudo pra baixo da mesa denovo...

O ser humano é um eterno insatisfeito... nunca esta bom... nunca é suficiente...

Ha nao muitos anos atras, nos Estados Unidos, ainda existia  a grande diferença racial entre "brancos e negros" que levou muitos negros (entenda-se de COR negra, pele escura) a serem expulsos de lugares destinados a "brancos"... crianças eram impedidas de frequentarem escolas... existia até bebedouros nas ruas para "brancos e para negros"... uma coisa (acredito que todos concordam) ridicula e absurda!!! até porque um cego (pessoa cega que nao enxerga) se tocar em 2 pessoas de "cores" diferentes, nao vai sentir nenhum tipo de diferença fisica entre elas... né... e esse tipo de ignorancia e agressao existiu por muito tempo lah (estou usando isso como um exemplo de muitos que existem nesse quesito).. até que alguém se levantou, lutou por essa causa, brigou, apanhou, acreditou e conseguiu "vencer" essa barreira e levar o congresso nacional, as pesssoas a abandonarem esse tipo de atitude (de uma forma geral,mesmo que nao tenha sido total) e levar "negros e brancos" a PESSOAS... sem distinçao de raças, de cor... e o negro começou a crescer, teve sua chance de estudar, de caminhar na rua com dignidade, de cabeça erguida... diante da LEI, ainda que pessoas nao concordassem, diante da lei todos era iguais... o que aconteceu? agora ele nao queria mais ser "igual"... agora ele queria passar por todos os anos de angustia e degradaçao e transformar aquilo em vingança... agora eu sou "igual".. quero passar e ser melhor que o branco!!!! e seres "brancos" muitas vezes sao vistos serem desrespeitados, mortos por aqueles que nao mais queriam um igual... querem estar "acima"... por PURA insatisfaçao!!! e quem sabe, quem conhece nos Estados Unidos o racismo, a diferença, a ignorancia, banida na lei ainda vive nas ruas.. no olhar... nas atitudes...

Igualmente as mulheres.. ao redor do mundo, sempre viveram de uma forma em "2o. plano".. sempre foram considerados seres "menores", serviçais... objetos... e pra muitos, eram tratadas sem respeito, sem consideraçao... nao "existiam".. nao tinham documentos... nao podiam votar... nao tinham sobrenome (na Italia, um pais de "1o. mundo" isso aconteceu até 1943!!!!!! nao 1812!!) as mulheres nao existiam!!! Mas enfim, as mulheres foram crescendo... mostrando que nao eram meros brinquedos.... mostraram que sabiam pensar.. que tinham sentimentos... adquiriram direito de "existir", de votar, de trabalhar, de se sustentar e atè que na LEI, se tornou CIDADA, PESSOA... na LEI ela se tornou "igual" ao homem, os mesmos direitos, os mesmos deveres... podia trabalhar... viver... de cabeça erguida, sem se esconder, ser ter medo ou vergonha... MAS isso jah nao era mais sificiente... olhar frente-a-frente.. olho-no-olho jah nao bastava... o movimento "feminino" cresceu.. queimou sutias nas ruas e decidiu que a mulher era MAIS IMPORTANTE que os homens... ela nao precisava mais dele... podia se sustentar... podia viver sem dependencias... e quis passar e ser maior... pura insatisfaçao... hoje ela tenta mostrar que o homem é um "ser descartavel"... ELE precisa de uma muher pra viver... "mulheres sao seres superiores"... "aperfeiçoamento da criaçao de Deus".. e bobagens afora... mas  o fato. estar lado a lado jah nao é suficiente, hoje ela quer ser maior...

Assim, da mesmo forma os gays/homossexuais (e variaçoes nominais... eu jah nunca sei como falar e posso dizer bobagem.... mas entendam o que eu quero dizer...) sempre foram tratados como "excluidos", como "erros", como "aberraçoes"... sempre lutaram pra vencer a barreira e serem vistos como seres humanos, pessoas.. com os mesmo direitos e deveres de ir e vir, de amar e serem amados, de demonstrar seu amor... tem uma oportunidade de mostarem abertamente que nesse mundo, nao existe mais lugar pra nenhum tipo de diferença.. que diante de Deus todos somos humanos, seres, filhos e o que eles fazem? mostram o quao insatisfeitos sao...  e dizem: "nao, aqui voces, heterossexuais,sao anormais, vergonha, menores"...

E o ciclo nao termina... é uma eterna bola de neve... quem esta por cima quer diminuir quem esta por baixo quer crescer, e se vingar,  fazer do seu modo... nao bastam serem iguais... alguém tem sempre que estar "por cima"... seres humanos... eternos insatisfeitos...

quanto vale o amor?

Estava essa manha lendo as noticia do mundo na globo.com e me deparei com uma situaçao, que vi, foi passada no fantastico de ontem e fiquei pensando no assunto.. resolvi comentar... pensar melhor...



O titulo: 

"Filha busca na Justiça compensação por falta de amor do pai"(se clicar no titulo conseguiras ver o link da matéria)


até coloquei esse link compartilhado no meu perfil do facebook, com o titulo... "se essa moda pega"... imagina a situaçao??? se todos os filhos resolvessem exigir uma "compensaçao" do que pra eles for uma "falta de amor"... sim, digo isso porque é muito relativo.. as pessoas sao diferentes, se expressam diferente.. entao a "rejeiçao", a "falta de amor" de um pode ser simplesmente "ponto de vista" e aih, botar um "culpado" nisso é irresponsabilidade...  Bom, na verdade, conheço casos MUITO parecidos com esses... e nao estou sendo em nada machista, soh que muitas vezes, as culpadas sao essas "maes", ou seja, as mulheres que vendo seus "relogios biologicos baterem" (eta frasezinha besta) resolvem ter um filho de qualquer jeito e nao pensam em nada nem em ninguem (principalmente ninguém).. MUITO MENOS no filho (a) que é quem vai (ou nao) sofrer com isso a vida toda!!!

Sim, pode dar certo.. aqueles casais que sao namorados, que tinham algum tipo de compromisso emocional... ainda ha uma grande chance de se tornarem pelo menos amigos na vida e compartilharem o carinho pelo filhos mesmo nao existindo nenhum tipo de relacionamento entre eles... pode sim!!! Mas eu falo de casos extremos, quando soh uma das partes (no caso, a da mulher) que sabe que esse filho virah... muitos casos de mulheres que sao amantes de tais homens, casos isolados, "amores" de uma noite e depois criam MUITOS problemas pra 2, 3 ou até mais familias.. por 1 minuto de decisao mal feita!!

Nao que esse "pai" nao possa ter nenhum tipo de relacionamento com esse filho... mas relacionamentos.. especialmente com filhos, sao regados e criados com/por AMOR e amor nao é algo que se obrigue, que se cobre, que se exija... um pai que recebe a noticia de um filho que nao esperava ou nao queria, muitas vezes anos depois nao tem como ser exigido de dar amor ou ter qualquer tipo de sentimento por esse filho (eu falo exigir, ok.. obrigaçao sem sentimentalismo)... isso NAO O IMPEDE de fazer algum esforço claro... mas ha casos em que a mulher decide e ainda diz: "nao se preocupe o filho é meu e nao vou exigir nada de voce"... mas pouco tempo depois ha na justiça a exigencia do dinheiro, da pensao, da "obrigaçao" em fazer o "certo"... definir quem é ou nao um "filho" pode bastar com um unico teste de dna, mas definir o amor, a dedicaçao por um filho nao ha como exigir, muito menos botar um preço...

Nesse caso acima.. ele na verdade, cumpriu com suas "obrigaçoes", deu pensao esteve por "perto" mesmo que pra ela isso nao tenha sido suficiente... sentir a falta de um pai numa festa de aniversario,  numa festa da escola pode acontecer mesmo quando ele vive "ali do lado", ou seja.. isso é algo que soh pode medir quem sente e exigir qualquer coisa ($$$)disso é absurda!!!

Ninguem faz filho sozinho, fisicamente falando... mas porque MUITAS mulheres ainda acham que essa é uma decisao unicamente "delas"??? a idéia da "produçao independente" é cada vez mais ridicula e cada vez menos efetiva!! Imagina se filhos, de maes que recorreram a bancos de esperma, resolvesem botar as maes na justiça pela "pai que nunca tiveram"??? seria uma confusao total... 

Se a mulher acha que encontrou um "pai" ideal pro filho dela, que pelo menos perguntasse a ele, e a possiveis envolvidos (muitas vezes familia de ambos, filhos de outros relacionamentos) se ha a "chance" de um comum acordo nessa concepçao... e nao simplesmente fingir que tomou um comprimido, furar o diafragma, "esquecer" o preservativo (sim, porque as mulheres tem bastante controle dessa parte da concepçao ainda que os homens sejam inconsequentes)... atitudes egoistas e extremas que vao carregar consequencias pro resto da vida.. no caso, as crianças que estao em ULTIMO lugar do pensamento nessa hora... assim como a mae dessa menina, que permitiu que ela sofresse a vida inteira a falta de um "pai"que ela NUNCA teve!!!

Quem sao os verdadeiros "culpados"? pais que muitas vezes planejaram filhos e largam maes e filhos por outros (ou outras) e nunca mais voltam atras... pais que nao aceitam filhos deficientes/especiais  e vao embora por pura "vaidade" (oh, eu, um homem de sucesso nao posso ter um filho deficiente)... pessoas que pediram para adotar crianças e depois "se arrependeram"... maes que tem filhos de "famosos" para engordarem suas contas bancarias...quem larga crianças nas ruas, bebes na lata de lixo.. esses sim, devem ser culpados pela falta... esses sim, devem pagar um preço... e alto... nao se brinca com os sentimentos de ninguem... nao se brinca de amar... nao se finge que ama...

Me desculpe, essa pessoa, mas nao acho que ela mereça nenhum tipo de conpensaçao... é uma pena o que aconteceu com ela, é triste, é ruim, mas nao havera NUNCA dinheiro no MUNDO que compense essa falta (talvez uma boa terapia, Deus a ajudem).. ela vai existir pra sempre!  

Maes e pais sao muito importantes na criaçao de um filho.. essa NAO é  uma decisao unilateral e muitas vezes a "modernidade" leva a culpa no lugar de uma  velha conhecida: a inconsequencia!!

Beijao e bom dia!


e a vida volta ao "normal"...

Bom, e tudo vai voltando ao normal...

Na verdade nada mudou muito na minha vida nos ultimos tempos, mas minha rotina diaria tava de cabeça pra baixo entao, imagino, que isso seja considerado "fora do normal".. hehe... mas semana passada foi uma semana muito dificil... tudo começou com o que poderia parecer uma simples "gripe coletiva"... primeiro meu filho mais velho, depois a pequena, depois eu! Pelo jeito, era virus "novo" porque veio com TUDO e estavamos bem ruins... mas o que parecia ficar nos 3 dias normais de uma virose desse tipo se estendeu de uma forma exagerada... as crianças iniciaram uma tosse que parecia soh piorar, o PP começou a ter febre de 38...39...40!!! ai, ai... aih jah tinha ido londe demais... tive que leva-lo numa emergencia... o PP jah tem um historico bem assustador de pneumonias e otites e nos aqui jah temos muito medo de quando esse tipo de sintoma começa a rodear nossa casa... Bom, resumindo? antibiotico!! azitromicina!!! 3 doses!! uma paulada na infecçao... alias, BRONQUITE... a situaçao tava feia... muita secreçao, muito catarro e nada de sinal da febre querer ceder!! sustao!!

Detalhe sério: no Brasil as pessoas tem muita mania de usar o termo "bronquite" como se fosse algo simples... normal... "ah, outra crise de bronquite"... bom, descobri que isso NAO EXISTE! bronquite é uma infecçao dos bronquios mesmo... algo sério, uma doença pulmonar mesmo... e como tal, deve ser tratada com antibioticos!! acho que esse mito leva muitas pessoas a nao darem a devida atençao e preocupaçao que se deve dar a essa doença e acarretar em problemas as vezes maiores.. e cronicos!!!

Bom eu nao estava a fim de deixar simplesmente "passar", precisava cuidar do meu pequeno... 2 dias depois... nada de melhoras... e a Tallulah começa a apesentar sintomas muito parecidos.. e a febre alta volta a atacar... e lah vou eu... friozao na rua... mesmo, tipo 8 graus (!!) com os 2 no posto de saude... resultado: mais tempo de antibiotico pro PP e também pra pequena!!! caracas!!! que luta!! as noites eram interminaveis, cansativas, os dias loooongos e doloridos... eu jah estava cansada, fraca.. minha casa estava de cabeça para baixo e nada me animava a fazer alguma coisa...

Bom, resumindo mesmo...  1 semana depois do inicio da SAGA, as coisas começam a voltar ao normal.... temperaturas corporais no nivel dos 35, 36 graus... hehe... as crianças jah estavam começando a subir pelas paredes e eu jah me animava a arrumar a casa,fazer comida de novo... uau... que coisa... normal... ou comum, sim, como queira usar as palavras... mas como mexe com a gente, com a nossa cabeça, nosso animo!!!

E depois de um feriado eternooooooooo, tudo vai voltando a sua propria rotina... Pedro voltou pra escola... Paulo voltou pro trabalho e aqui estamos Tallulah e eu em casa... um sileeeeeeeeeenciooooooooo.... hehe.. mas tudo bem, faz parte... tudo faz parte... os altos, os baixos, os meios, os fins, as alegrias, as tristezas, as decepçoes, as esperanças, o cansaço, a energia... e como diriam os ingleses: "such is life".. em grosso portugues: "assim é a vida".. né? vamos lah entao...

Saudade de quem chegou a sentir saudades e um grande beijo a quem insiste em vir aqui conversar comigo... nao é inutil nao... é otimo... faz parte do processo de "humanizaçao" da vida.. hehehehe...

Bjao e BOM DIA!

amigos (?????)

Essa frase (pensamento) que coloco acima, tem sido compartilhada por muitas pessoas no facebook... particularmente eu discordo redondamente dela, acho que ela se tornou uma otima "desculpa" pra quem prefere manter uma amizade a "distancia".. que nao gosta de se comprometer, de procurar, de estar perto (mesmo nem sempre fisicamente)... eu acho que ela pode sim, ser uma exceçao, deixando BEM grande a palavra PODEM... "Se, porventura, nos AMIGOS, passarmos muito tempo sem nos vermos, quando nos encontrarmos nao terah feito diferença alguma..."  ai sim, nisso eu acredito!!


Eu nao entendo esse tipo de "amizade"... salvo, sempre, casos extremos ok?... eu falo sempre aqui em amigos que estao proximos, muitas vezes até fisicamente ou  "facebookamente" (hehe, palavra minha.. hehe) de seus amigos, mas escolhem esperar os looongos periodos de distancia... nao entendo... amigos pra mim, mesmo, se procuram, estao perto, se mostram... eu moro longe do Brasil (onde estao a maioria dos meus amigos) ha muito tempo mas nunca deixei de estar perto dos meus amigos... quando alguém se mostra triste, com problemas, doente, minha primeira reaçao é procurar, mostrar meu ombro, meu braço, minha mao... eu nao tenho medo de me abrir, de me comprometer, de procurar... e quem me conhece sabe bem disso!!!

Ironicamente, a chamada "rede de amigos" é quase uma rede "anti-amigos"... porque as pessoas preferem manter o relacionamento no "curti"  do que usar o espaço enooooorme do "comentar"... eu sempre me mostrei bem a favor do facebook e afins pra encurtar distancias.. acho uma otima ferramenta pra aproximar, preencher espaços... principalmente eu, que nao tenho meus amigos fisicamente por perto... mas, quando eu vou ao Brasil, faço questao, de procurar um por um... mesmo prum café, prum "oi", ou um simples telefonema... nao vou esperar "anos sem se ver" pra parecer "que o tempo nao passou"...o tempo passou SIM e muita coisa mudou, mas parece que o fingimento é a maior arma, ou a mais letal dos ultimos tempos... forget about nulceares... a frieza de coraçao, a hipocrisia mata mais, doi mais que essas armas...

Ultimamente eu vi amigos meus, de anos que expuseram seus problemas na "rede".. se abriram... e eu nao pestanejei em procura-las, em estar perto (mesmo longe).. sei o quanto isso é dificil... uma delas me disse que apesar de ter marido, filhos sente uma solidao que é quase impossivel preencher (sim, ela conhece Jesus, mas é normal, humana)... eu acredito que amizade verdadeira, vence a solidao... fingimento soh cria machucados!!!

Pessoas que professam a mesma fé, nao se "suportam", se "bloqueiam"... ninguém pode discordar... ninguem pode opinar... essa é a "regra" do facebook... "CURTAM meu pensamento e jamais questionem!!!"-- ops, desculpa, isso NUNCA ninguem escreveu, é muito forte...

Mas tem outra e essa é interessante...
Bem vindo ao Facebook - O lugar onde pessoas te adicionam como amigo e passam na rua sem cumprimentá-lo. Onde relacionamentos são perfeitos, romances se iniciam e mentirosos acreditam que estão dizendo a verdade. Pessoas comprometidas te cutucam, seus inimigos visitam seu perfil constantemente, enquanto familiares o bloqueiam. Eventualmente você escreve o que realmente pensa e alguém interpreta de outra maneira.


Nao precisa ficar "interpretando" minhas palavras... eu nao estou "magoadinha" com ninguém, mas tenho questionado MUITO essas coisas ultimamente, começando sempre por mim... Pessoas expondo sua "fé" em palavras mas negando em atitudes... vale isso??? ser amigo é isso??? Voce sabe como esta aquela pessoa que esta do seu lado?? como ela esta de verdade!!!??? Nao como ela mostra... ou tenta mostrar... eu sou uma pessoa apaixonada pelo comportamento humano e percebo, cada vez mais que ninguém mais quer se comprometer, porque isso significaria "pagar o preço"... andar a "segunda milha" em uma linguagem "biblica"e muitas vezes, levantar a bunda (desculpa meu frances) da cadeira e procurar alguém de verdade... em 3D... o " umbigo" é muitas vezes, o maior orgao do corpo humano!!!


Fica o pensamento...


Bom dia!

A Pascoa e a pascoa


Sabe, o meio cristao dah bastante importancia pro Natal.. o nascimento de Jesus... e minha intensa aqui nao é (de forma nehuma) diminuir isso... o nascimento de Jesus foi um marco pra nos cristaos, sem duvida... mas pra mim, o grande dia, quando realmente a VIDA de Jesus começou a expandir foi na sua morte, ou melhor, na ressurreiçao!!!


Jesus é tomado como alguém “importante”, um profeta, um martir ou até um “heroi”... mas mas foi na morte, injusta, estupida, ignorante dele que tudo mudou na nossa vida... porque soh morrendo, ele se tornaria MAIS UM... mais um visionario, mais um maluco... a grande diferença??? Entre TODOS... ele RESSUSCITOU!!!! Ele se doou, se deixou ser crucificado, mas 3 dias depois, o que parecia uma vitoria.. se tornou uma derrota!!! Derrota dos inimigos... dos que o odiavam.. dos que nao queria que sua vida fosse lembrada... dos que nao queria, que Ele  fosse amado, idolatrado... e Ele venceu a morte... e pra nos, trouxe VIDA, ESPERANCA, FUTURO, ETERNIDADE... e isso sim, essa é mensagem da Pascoa... aquela que mostra a vida, a alegria...

Eu acho estranho (sem criticas pessoais) ter Jesus morto na cruz, ensaguentado, ferido... acho estranho o foco estar no sofrimento,  no martirio... pra mim, todas as igrejas cristas deveriam sim ter uma CRUZ, mas totalmente VAZIA, mostrando que a grade vitoria foi a ressurreiçao, quando Jesus disse que “iria ao Pai” mas dali pra frente viveria PRA SEMPRE dentro de nos... basta pedir, basta confessar, basta crer, basta querer, basta permitir...

Existe algo melhor que VIDA???? Existe algo mais bonito do que se imaginar VIVENDO ETERNAMENTE???? Show né.. e isso soh é possivel porque um dia, alguém se importou, pagou o preço, ficou quieto e amou, amou, AMOU... soh é possivel porque um Pai, permitiu que um filho saisse de perto de si pra que houvesse uma abertura, pra que houvesse um caminho e amou, amou, AMOU... é possivel porque ha um Espirito, prometido de viver dentro de nos e estar conosco pra sempre e que ama, ama e AMA!!!

Eu AMOOOO Jesus, de tdo o meu coraçao... amo viver essa vida.. amo viver com Ele e PARA Ele... quando eu tinha 5 anos escolhi abrir meu coraçao e essa alegria, essa esperança vive comigo todos os dias...

NAO FOI EM VAO...

FELIZ PASCOA!!!

viajando... @teleférico e Madri

Vou aproveitar um passeio que fiz ontem pra mostrar mais alguns pontos lindos de Madri... Bom, primeiro palmas pra mim que consegui vencer um medao de altura e me aventurar no Teleférico de Madri... Olha, o bicho chega a andar numa altura de 40 metros (!!!!!!!!!!!!!!!!!) de altura e percorre uma distancia de 2.457 metros...e logo de cara dah um friozinho na barriga, mas olha, devo confessar, a gente fica tao "hipnotizado" pela paisagem que o medo vai embora, ou pelo menos a gente consegue deixar em segundo plano... é realmente lindo demais e barato!! vale muito a pena... ida e volta custam 5,50 (euro né)... no nosso caso, a gente foi, passeou pelo centro  e voltamos mais tarde... cansa, mas é bem divertido!!!

Na verdade a gente nao sabia o horario e chegamos meio cedo... bom, nada que uma pracinha no meio do parque nao nos ajude a "perder" alguns minutos... as crianças aproveitam bastante se bem que a ida até a estaçao jah é uma aventura... fica num ponto alto do parque "Casa de Campo" e até chegar lah jah foi um bom passeio...

Na chegada ao outro ponto, outro parque (!!!hehe!!!) e nossa idéia era dar uma voltinha mas tava tudo tao bonito que resolvemos esticar e conhecer um pouquinho do centro e arredores dessa cidade tao bonita... acabamos convidando meu marido ( que estava trabalhando) pra almoçar concosco e fomos num restaurante BRASILEIRO... beeeem legal, comida muito gostosa (comi feijoada.. hehe...) e a sobremesa mais deliciosa que jah provei por essas bandas!! Parabéns...
(olha, eu raramente ia em restaurantes brasileiros porque geralmente eles eram MUITO caros... pessoal de parabéns, ambiente simples e muito aconchegante, preço bom - custou 10,90 o menu com refrigerante e sobremesa!!!) e aquela simpatia do nosso povo!!! hehe.. bem legal!)

Bom, jah que o tempo era nosso... descemos a Grand Via e voltamos pra pegar o teleferico de volta pra casa!!! e chegando lah. cada vez sou mais agradecida por estar morando bem na frente da Casa de Campo... bom d+...

 Deixo aqui algumas fotos pros curiosos, amigos, "seguidores" pra aguçar mais um pouquinho a criosidade e dar vontade de virem visitar Madri... hehe... bjao e BOM DIA!!











Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 
Carlinha com bicho-carpinteiro © 2011 | Designed by Ibu Hamil, in collaboration with Uncharted 3 News, MW3 Clans and Black Ops